A única que eu confiava

by - segunda-feira, maio 15, 2017


Agora é você.
Você me deixa. 
Já não bastou a ex melhor amiga me deixar.
Agora você? 
A única que eu confiava!


Suas doces palavras melhoravam meus dias, 
seu abraço apertado me garantia segurança, 
e eu amava quando emprestava seu ombro para eu chorar - mas você que me desculpe, 
estou chorando em outro agora.

Será que se importa a ponto de voltar atrás e escolher não ter se afastado do nada? 
Será que você se importa? 
Eu não sei.

Onde é que iremos parar?
Por que você, e todos os meus outros "amigos" fazem isso comigo? 
Pra que toda essa tortura psicológica? 
Pra que todo esse joguinho de desinteresse na amizade?

Só para aumentar a autoestima, o ego, 
se sentir o dono do jogo, 
dizer que faz e acontece? 
Isso não tem graça! 

Isso dói, 
destrói,
machuca,
corrói,
não só a sanidade mental,
mas tudo ao meu redor.
Parece que o mundo fica mais cinza, 
mais estranho e triste quando isso me acontece.

Talvez você, que está lendo isso, se identifique, 
ou esteja passando algo parecido.
Se não, eu espero que nunca passe,
 porque isso dói demais.

You May Also Like

2 comentários

  1. Quem nunca passou?

    Adorei seu post!

    www.blogfalaaline.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Aline!

      Obrigada pela visita :D
      Beijos,
      Isa♥

      Excluir